Desafios do comércio

Comentário veiculado na Rádio Globo de Barbacena em 21/12/2018

A semana que antecede o Natal é uma das melhores – senão a melhor – semana do ano para o comércio. É assim, inclusive e especialmente, nas cidades do interior.


Segundo o IBGE, o setor de serviços é atualmente o setor que mais emprega e mais contribui para o PIB – Produto Interno Bruto – de cidades como Barbacena, Barroso, Dores de Campos e Carandaí. E isso é assim mesmo se nós excluirmos dessa conta o setor público, os gastos com educação e saúde públicas, por exemplo.


Prova desse vigor, foi a inauguração, no mês passado, do Barbacena Shopping e também inaugurações recentes de grandes centros de Atacado e Varejo às margens da BR 265, também em Barbacena, e às margens da BR040 em Conselheiro Lafaiete.


O setor de serviços, que é o carro-chefe das nossas economias, porém, vai enfrentar grandes desafios nas próximas décadas. Se você nunca ouviu falar da Amazon ou se não comprou online ainda, muito provavelmente criará esse hábito em algum tempo. Nos Estados Unidos, onde o e-commerce, ou comércio eletrônico, já é uma realidade, todos os anos cerca de mil lojas físicas são fechadas. A concorrência com as lojas na internet, portanto, é apenas o primeiro grande desafio.

O segundo, e talvez até mais importante, diz respeito à reinvenção das formas de se consumir. Quem tem mais de 30 anos sabe que em um passado não muito distante, CDs, livros e DVDs eram opções certas de presentes para o Natal. Hoje, depois da Netflix, Spotfy e Kindle, esses objetos estão se tornando peças de museu. E isso sem se falar de serviços disruptivos que, ainda, não chegaram com força no interior. O mais icônico deles, claro, o Uber.


As cidades do interior precisarão se reinventar para continuarem com seus setores de serviços fortes. Nas próximas duas décadas, o ramo de serviços será afetado como foi afetado o setor industrial brasileiro nas duas últimas décadas. Sobre esse tema, porém, falaremos na próxima semana, quando será inaugurado em Barroso o mais novo distrito industrial da região.

Obrigado pelo seu comentário!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s