Trabalho de qualidade

trabalhoArtigo publicado originalmente no portal barrosoemdia.com.br em abril de 2011

O Brasil comemora, dia após dia, novos recordes na geração de empregos, tanto formais quanto informais. Esse fenômeno é conseqüência de uma economia que está aquecida e que vem sendo impulsionada pelo enorme crescimento que vem apresentando, nos últimos anos,  o mercado chinês. No contexto da economia globalizada o país vem se destacando enquanto um player importante, sobretudo em suas exportações de commodities agrícolas e minerais.

Os resultados positivos da economia tendem a se auto-alimentar em um ciclo de crescimento na medida em que elevam a confiança e o otimismo dos nossos mercados. No bojo desse desenvolvimento, gera-se mais trabalho, mais renda, mais consumo e mais bem estar. Essa espiral tende a se perpetuar enquanto os recursos e as capacidades produtivas ociosas vão sendo utilizadas. A tendência, no entanto, é que essa dinamicidade econômica encontre obstáculos no caminho, sendo um desses entraves, especialmente no caso do Brasil, a questão da mão-de-obra.

Diversos campos da economia já começam a sentir a escassez de trabalhadores, sendo que talvez a construção civil seja, por enquanto, a mais afetada. Já falta mão-de-obra qualificada até mesmo para pequenas reformas domésticas. O grande problema é que essa escassez está relacionada mais à questão qualitativa que quantitativa, ou seja, não faltam pessoas para trabalhar, falta qualificação para as pessoas que estão desempregadas ou subempregadas.

Segundo as pesquisas mais recentes do Ministério do Trabalho, a maioria dos trabalhadores brasileiros (58,6%) que compõem a população economicamente ativa (PEA) possui, no máximo, o ensino médio incompleto, sendo que 32,7% não possuem sequer o fundamental completo.

tabelas emprgo 2

Se considerarmos o total da população em idade ativa (PIA), a situação é ainda mais grave, pois o percentual da população que possui no máximo o ensino médio incompleto sobe para 68,2%.

tabelas emprgo 1

Esses dados revelam que o crescimento econômico brasileiro não gera benefícios universalizados, afinal, uma grande parcela da população não participa da festa dos empregos e isso se dá basicamente pela falta de qualificação. Sem as habilidades necessárias, a começar pelo ensino formal, não é possível conseguir um trabalho de qualidade, que remunere bem, ofereça qualidade de vida, satisfaça o potencial profissional e humano e contribua para o pleno desenvolvimento econômico, social e ambiental.

Para transformar essa realidade é fundamental evitar a evasão escolar, melhorar nossas escolas, oferecer qualificação profissional, estimular a formalidade, promover o crédito, entre tantas outras medidas que os governos municipais, estaduais e federal precisam adotar. No caso do Estado de Minas Gerais, será lançada na segunda-feira (2 de maio) a Rede Mineira do Trabalho, que objetiva enfrentar o problema em todas as suas dimensões, desde a qualificação até a empregabilidade. No caso do município, ainda não foi divulgada nenhuma ação ou projeto nesse sentido.

É fundamental oferecer respostas ao desafio dos empregos de qualidade com rapidez, pois o crescimento econômico brasileiro já se aproxima dos seus gargalos e se esses não forem enfrentados imediatamente corremos o risco de perdermos mais essa oportunidade e voltarmos à uma situação de desemprego e estagnação econômica.

—–

Em setembro de 2012 o Governo de Minas, motivado pelo processo de expansão da Holcim, indicou a cidade de Barroso ao Governo Federal para que se iniciasse aqui o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (PRONATEC). Essa iniciativa foi de fundamental importância para qualificar a mão-de-obra local para o trabalho na Indústria e também no setor de Comércio e Serviços.

Anúncios

Obrigado pelo seu comentário!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s